Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Ilhabela e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
ABR
18
18 ABR 2024
ESPORTE E LAZER
Educadores Físicos de Ilhabela participam de treinamento para identificar possíveis atletas nas escolas municipais
enviar para um amigo
receba notícias
Os professores de Educação Física das escolinhas esportivas municipais e da escola de vela de Ilhabela participaram de um treinamento ministrado pelo Centro de Estudos do Laboratório de Aptidão Física de São Caetano do Sul (CELAFISCS) nesta quarta-feira (17).

A capacitação consiste em treinar esses profissionais para detectar os atributos e capacidades necessárias em crianças e adolescentes, com o intuito de prepará-los e integrá-los em uma população de atletas de excelência desportiva.

O encontro promoveu uma série de palestras, realizadas por mestres em Educação Física e médicos do CELAFISCS, tendo como tema principal a apresentação de um cronograma de ações, que permitirá o professor de educação física efetuar um prognóstico a curto prazo dos alunos que apresentam habilidades e características para se tornar um atleta. 

Esse prognóstico é baseado na evidência de atributos, nível de aprendizagem, treinabilidade e maturidade de crianças e jovens entre 8 e 18 anos, reconhecidas em suas escolas como portadores de aptidões intelectuais superiores e de estabilidade elevada em níveis diferenciados em desempenho.

“O nosso objetivo é transmitir o conhecimento, para que os educadores físicos tenham olhar técnico na detecção de possíveis talentos esportivos, no ambiente escolar. Esse olhar apurado é adquirido por meio da Técnica Z, conhecida mundialmente por sua eficácia”, destacou o médico e presidente da CLAFISCS, Dr. Victor Matsudo.

Também estava presente o secretário das Comunidades Tradicionais, Pesca e Agricultura, profº Cornélio de Moraes, que auxiliou na implantação do projeto em Ilhabela há mais de 40 anos.